Como criar um local divertido para os filhos

0
260
Arquiteta ensina como criar um ambiente divertido e funcional para os pequenos (Divulgação)

Veja as dicas de como criar um local de atividades recreativas e estudo

Criar um ambiente divertido e ideal para as crianças não é tão fácil quanto parece. Conciliar o local com atividades recreativas e também uma área de estudo pode ser um desafio para muitos pais.

A equipe da Bicaco Arquitetura, formada pelas designer de interiores Márcia Bicaco e a arquiteta Patricia Bicaco criaram um ambiente na mostra ‘Morar Mais por Menos’ com todas as características de um quarto divertido.

“No ambiente, há parede para ser colorida e desenhada com giz, armário que pode servir lousa para brincadeiras e estudos e um balanço. Para a área de estudos, uma bancada com cadeira que possui um rolo de papel escondido”.

Veja as dicas:

Cores: “As cores aguçam a criatividade da criança, por isso, se o espaço tiver cores neutras nas paredes e móveis, abuse do colorido em objetos decorativos, como luminárias e jogo de cama”.

Iluminação: “A iluminação do quarto deve ser bem pensada, devemos ter a chance de iluminar bem todo o quarto, para facilitar as brincadeiras, para ser um bom lugar para estudo, mas nunca esquecer de ter uma luz auxiliar (como um abajur), para as crianças que estão começando a dormir sozinhas e sentem medo, ou para quando a mãe for simplesmente olhar se o filho está bem”.

Organização: “É importante ter boxes, prateleiras e nichos para que a própria criança organize o espaço. Esses utensílios servem para separar o que a criança pode brincar sozinho e o que precisa de auxilio (definido pela altura em que ficam), os brinquedos que ficam a mão, os que elas podem usar sem restrição, devem ser guardados em caixas que facilitem a recolocação no lugar. Desta forma, o ambiente fica sempre arrumado e as crianças vão se habituando a guardar depois que brincam”.

Paredes: As paredes podem ser uma ótima forma de interação das crianças com o quarto.”Hoje existem vários materiais que podem ser aplicados para que a criança explore esta superfície existem adesivos e tintas que imitam lousa, fitas métricas que podem ser aplicados e a criança ir medindo sua altura, e consequentemente aprendendo números, aprendendo a medir. Pode ser usada também para levar o personagem preferido para mais perto, ou uma cena de um filme, ou a família, usando imagens impressas, grafitadas, ou ainda pintadas a mão”.

Brinquedos: “Temos sempre que pensar em como levar os brinquedos para o seu espaço, uma forma de equilibrar as brincadeiras com a tecnologia. Por isso ter a chance de colocar um balanço, uma amarelinha, um dardo, ou qualquer brinquedo que incentive a criança a brincar e o que o espaço permita, é sempre muito importante”.