A empresária Leila Velez confirma participação no Troféu Raça Negra

Presidente da empresa Beleza Natural denota importância dos cabelos para afirmação da identidade negra

0
55

Sabemos que o objetivo do Troféu Raça Negra é premiar tanto pessoas negras que se destacam no cenário nacional, quanto celebrar iniciativas que contribuem para que a negritude seja preservada em toda sua intensidade e beleza. Sob essa perspectiva, Leila Velez, presidente da empresa ‘Beleza Natural’, é uma das convidadas para a cerimônia de entrega das estatuetas.

A trajetória de Leila a frente da empresa que fabrica produtos hidratantes para cabelos crespos, começou na década de 1990. Naquele tempo a única opção existente para lidar com cabelos ondulados e crespos era o alisamento, técnica que, por vezes, além de danificar os fios, os deixava com aspecto artificial. Assim quem queria manter os cabelos cacheados, mas hidratados e com aspecto saudável, não tinha muitas opções.

Foi essa lacuna existente no mercado que levou a idealizadora do negócio e sócia de Leila – Heloísa Assis – a realizar inúmeras experiências na tentativa de criar um produto que deixasse os fios crespos hidratados e macios, sem alisá-los, e, sobretudo, a acreditar no sonho de o aquele negócio daria certo. Hoje passados mais de 20 anos, a ‘Beleza Natural’ se tornou uma rede de institutos de beleza que conta com 25 unidades e atua em cinco estados brasileiros.

No entanto, esta história de sucesso não teria sido possível se não houvesse por trás dela o desejo de criar um produto verdadeiramente adequado para os cabelos crespos, porque como bem nos lembra Leila (em entrevista concedida à revista Época Negócios, em 2014) “Cabelo é identidade, diz quem você é. Na população brasileira, 70% das pessoas têm cabelo de ondulado a crespo. Apenas 30% têm cabelo liso natural. Estamos, portanto, num país de cacheadas! E a gente vai dizer não para isso? É preciso quebrar a algema dos padrões de beleza impostos e ser realmente quem você é”.

Diante disso, vemos porque a empresa ‘Beleza Natural’ se tornou um sucesso: porque soube preservar a identidade, sobretudo, das mulheres negras que querem manter os cabelos crespos e saudáveis; e soube também, valorizar os cabelos afro e reforçar a autoestima das mulheres onduladas, crespas e cacheadas.

O sucesso da ‘Beleza Natural’ e a presença de Leila Velez no ‘Troféu Raça Negra’ mais uma vez confirmam que a valorização do povo negro passa pelas questões culturais e sociais, sim, mas também passa pela aceitação e valorização da beleza negra que, sem dúvida, tem muito a ver com os cabelos.