Reitor analisa trajetória dos negros no Brasil

Ele defende a criação de políticas afirmativas e ações específicas que garantam a igualdade de direitos

0
39

A Revista Brasil conversa com o reitor da Faculdade Zumbi dos Palmares, José Vicente, sobre o Dia da Consciência Negra e as lutas diárias dos negros no Brasil.

O reitor fala também sobre a faculdade, que exerce a conscientização junto aos seus alunos. A Faculdade existe há 14 anos e já formou 3050 jovens. Com o lema “Sem educação não há liberdade” incentiva o empoderamento negro mostrando que o conhecimento é a principal ferramenta para alcançarmos autonomia e assim exercer as mudanças necessárias em nossa sociedade.

E a partir do lançamento do livro “História da África e do Brasil Afrodescendente”, da professora Ynaê Lopes dos Santos, que levanta a questão do ensino da História da África no ensino público, José Vicente fala sobre os avanços da legislação para que seja possível a inclusão da história da África na grade de ensino das escolas públicas. E explica a importância desse ensino para “a recuperação de um espaço perdido da nossa história”.

Referente às cotas raciais e sociais, o reitor acredita que estas se complementam em um país construído sobre injustiças e desigualdades.

Ouça a entrevista completa no player.