Joaquim Barbosa anuncia no Twitter que não será candidato

O ex-ministro do STF usou as redes sociais para dizer que a decisão é estritamente pessoal

0
243
Foto: Nelson Jr./SCO/STF

O ex-ministro do Supremo Tribunal federal Joaquim Barbosa anunciou na manhã desta terça-feira 8 em sua conta no Twitter que não é pré-candidato à Presidência. No início de abril, o magistrado se filiou ao PSB, partido com que conversava há meses em uma tentativa do partido em definir seu nome no pleito eleitoral. Barbosa, entretanto, não se convenceu.

“Está decidido. Após várias semanas de muita reflexão, finalmente cheguei a uma conclusão. Não pretendo ser candidato a Presidente da República. Decisão estritamente pessoal”, escreveu Barbosa em sua rede social.

Na época em que se filiou, Barbosa ainda levantava dúvidas se disputaria as eleições. “Tal arranjo me convém, pois ainda questiono se devo ou não ingressar na disputa político-eleitoral”.

Entre as lideranças do PSB, a empolgação com o ex-ministro sempre foi nítida. Seu bom desempenho na última pesquisa Datafolha aumentou a confiança da legenda. Ele desponta com 8% das intenções de voto em um cenário com Lula candidato. Sem o ex-presidente, atinge 10%.

A possibilidade do ex-ministro em ser o candidato do PSB movimentou o jogo político nas últimas semanas. Quando Barbosa se filiou ao partido, o ex-ministro dos governos Lula e Dilma Aldo Rebelo decidiu se desfilar da legenda socialista por não concordar com os indicativos da legenda, que davam sinais de sua preferência por Barbosa a Rebelo.