Rio de Janeiro sedia, pela primeira vez, a Copa dos Refugiados

O vencedor disputará a grande final da Copa com o campeão de São Paulo

0
264

Os imigrantes compartilham as dores de deixar os países de origem por causa de perseguições políticas e religiosas. E também enfrentam os desafios de se integrar numa sociedade com costumes diferentes.

Para ajudar na integração, nada como bater uma bola para se sentir em casa na terra onde o futebol é paixão. Foi assim que surgiu a ideia da Copa dos Refugiados, organizada pela Ong África do Coração, que, pela primeira vez, acontece no Rio de Janeiro

Oito times e mais de 120 jogadores participam da competição. O vencedor disputará a grande final da Copa com o campeão de São Paulo e campeão de Porto Alegre.