Sonhar o Mundo, Fazer o Mundo: racismo, violência e experiências de resistência

Em celebração aos 70 anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos e dos 130 anos abolição da escravidão no Brasil, o Governo do Estado de São Paulo, Secretaria da Cultura e Museu Afro Brasil convidam para a Roda de Conversa Sonhar o Mundo, Fazer o Mundo: Racismo, violência e experiências políticas de resistência que acontecerá no próximo dia 01 de dezembro, sábado, às 11 horas.

0
633

Para refletir criticamente este contexto, a roda de conversa discutirá as condições de vida e acesso aos direitos sociais da população negra no país, suas formas de organização política, resistência e superação do racismo. A mesa será composta por pesquisadoras e pesquisadores engajados na luta contra o racismo, que abordarão a violência contra a juventude negra e necropolítica: Natália Neris, Igo Ribeiro, Claudia Adão e Márcio Farias.
A ação faz parte da programação da Campanha Sonhar o Mundo, promovida pela Secretaria de Estado da Cultura. Para participar, inscreva-se aqui. A participação é gratuita.