Marca de roupas de Rihanna quebra padrões de beleza impostos pela sociedade

Durante campanha, Rihanna usou modelo com cicatrizes, de 67 anos e outros, para rosto em campanha

0
2414
Rihanna durante a divulgação da sua marca 'Fenty' Foto/Destaque Aurelien Meunier/Getty Images

Não é novidade que a Rihanna se compromete com a diversidade e inclusão em tudo o que faz. No lançamento da Fenty Beauty, ela procurou trazer representatividade tanto nos tons dos produtos quanto nas modelos. E não seria diferente na seleção de modelos para a sua marca de roupa.

As primeiras fotos promocionais da Fenty chamaram a atenção de muita gente, uma modelo de 67 anos, mulheres gravidas e rosto de modelo não ter sido retocado, mostrando suas cicatrizes. E tudo isso tem um porquê.

Muitas das imagens que circulam dcostumam mostrar uma pele “perfeita” e cantora resolveu quebrar esse padrão de muitas garotas. No entanto, a Fenty preferiu mostrar um rosto real e não usou Photoshop na modelo Aweng Chuol, que tem cicatriz.

A modelo estava passeando com o marido quando foi descoberta. Um fotógrafo viu o casal e pediu para tirar uma foto deles. Pouco tempo depois, Joani foi chamada para fazer parte de um vídeo sobre pessoas com cabelos grisalhos. Joani chegou a desfilar em Paris para a marca, na última semana, e também posa para vídeos e fotos. O interessante é que Joani é modelo há apenas dois anos.

Você pode conferir as fotos e os vídeos clicando aqui.

Ano passado, a modelo Slick Woods, na época grávida, fez parte da campanha de lingeries que a cantora lançou, como outro símbolo de quebra de padrões. Ela até chegou a entrar em trabalho de parto logo após um dos desfiles.

A grife de luxo FENTY foi lançada oficialmente por Rihanna na última semana, em evento em Paris. A loja online da marca foi aberta nesta quarta-feira, 29.