Hoje: Lançamento do livro MURO

Quer deixar os autores felizes? Apareça HOJE no lançamento do livro MURO!

0
215

Sobre o livro:

Muro é a história de muitas histórias, é a narrativa de várias narrativas. E contar narrativas, ainda mais as das quebradas, exige muito respeito e responsabilidade por parte de quem se habilita para tal.

E por que contar Muro? Porque entendemos que as nossas histórias precisam ser dessensibilizadas. Devemos assumir as nossas narrativas, interromper o processo de apropriação de nossas vivências e experiências; nós, que somos da quebrada e somos a quebrada, temos o dever de representá-la em toda a sua magnitude.

Quem conheceria as histórias de Pidão e Boa Gente se não fosse o Favela em Cena e a montagem de Muro? E Celina e Simone, com suas trajetórias tão comuns entre mulheres periféricas, quem descortinaria? Daí a importância e relevância do nosso texto.

Para Muro, já tínhamos o caminho ladrilhado pelo último trabalho da companhia, Barraco de Pedra – cujo texto, do William Gutierre, foi também publicado pela Editora Benfazeja, em 2015, e cuja montagem, dirigida por mim, percorreu diferentes palcos nestes últimos anos. Mas resolvemos nos desafiar mais uma vez, começando pela dramaturgia que, em vez de contar a história de um único personagem, traz vários deles, com seus dilemas e nuances, constituindo uma tela totalmente crível e viva da periferia dos grandes centros urbanos. Outra novidade para nós é que, agora, seriam dois narradores conduzindo o público pelas histórias contadas. São essas histórias que você terá a oportunidade de conhecer – ou de reviver, caso tenha nos visto em cena – a partir de agora, graças a este livro.

Muro faz parte da retomada das quebradas pelas quebradas, um processo irreversível e independente das esferas públicas, privadas e de governo, seja ele de direita ou de esquerda. Nós existimos e resistimos!

Serviço: 

Coquetel de lançamento: 12 de dezembro (quinta-feira) Horário: das 18:30 às 21:30
Local: Auditório da Ação Educativa – Rua General Jardim, 660. Entre as estações Santa Cecília (linha vermelha) e Higienópolis-Mackenzie (linha amarela).